A antropóloga e ex-primeira dama Ruth Cardoso recebeu 162 coroas de flores. O espaço destinado aos arranjos dentro de um saguão no prédio da Sala São Paulo, onde ela está sendo velada, não foi suficiente e as flores foram colocadas ao longo do corredor que dá acesso ao ambiente do velório.

Enviaram coroas artistas como Daniela Mercury, Caetano Veloso, Enrique Iglesias e o casal Angélica e Luciano Huck; os governos de Goiás, Acre, Rio de Janeiro e Roraima, além de empresas e entidades do terceiro setor.
Assinaram o livro de condolências pelo menos 890 populares. Uma delas foi a aposentada Raimunda Alves Gomes, de 70 anos, que mora na região e decidiu ontem à noite, quanto soube da morte de Ruth, ir ao velório. "Ela foi muito importante e trouxe orgulho para nós mulheres."
A auxiliar administrativa Darilene Leite Ferreira, de 45 anos, disse admirar a humildade e o interesse de Ruth pelos pobres. Essas características da antropóloga também chamaram a atenção da aposentada Esther Furmankiewicz, de 70 anos. "É uma homenagem humilde que faço a está mulher culta, inteligente e solidária."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.