Consumo de gás no Brasil volta a cair em junho, diz Abegás

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O consumo de gás natural voltou a cair no país em junho, depois de ter ensaiado recuperação em maio, registrando queda de 19,35 por cento na comparação com o mesmo período do ano passado, para 40,7 milhões de metros cúbicos diários. No semestre, a queda foi de 27,82 por cento.

Reuters |

O consumo de junho também foi inferior ao de maio, quando foram consumidos 41,5 milhões de metros cúbicos por dia, segundo dados obtidos nesta quarta-feira pela Reuters.

O setor de geração elétrica foi o que mais influenciou nesse resultado, já que as térmicas consumiram menos 2,1 milhões de metros cúbicos por dia, o que representa uma queda de 20,43 por cento. O setor de cogeração teve queda de 1,31 por cento em junho.

A indústria também continua apresentando números negativos em relação há um ano, queda de 19 por cento no consumo, mas apontou uma ligeira recuperação contra maio, com aumento de 5,74 por cento, ou mais 1,2 milhão de metros cúbicos de gás por dia. Segundo a Abegás, o setor industrial representa 54,41 por cento do total consumido no país.

O consumo residencial cresceu em relação a maio, em 58 mil metros cúbicos diários, alta de 7,46 por cento, e manteve-se positivo na comparação anual, um crescimento de 4,39 por cento.

O setor comercial registrou perda de 0,16 por cento contra maio e de 7,30 por cento na comparação anual.

O setor automotivo permanece com performance negativa, indicando queda de 0,04 por cento contra maio e de 15,48 por cento se comparado ao mesmo mês de 2008.

Segundo a Abegás, "a falta de política energética e o preço do insumo têm refletido de forma negativa" no segmento.

(Por Denise Luna)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG