Conselho Tutelar devolve bebê sequestrado à família

O Conselho Tutelar devolveu à família nesta tarde a recém-nascida sequestrada no Capão Redondo, zona sul de São Paulo. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o bebê teria sido sequestrado por Beatriz Mota Magalhães, de 18 anos, que está foragida.

Agência Estado |

Ontem à noite o bebê foi deixado numa delegacia da zona sul pela mãe da sequestradora, que reconheceu sua filha com o bebê nas imagens gravadas por câmeras de segurança de uma farmácia, divulgadas pela imprensa. Ainda segundo a polícia, a mãe de Beatriz contou que a filha estava grávida e perdeu o bebê recentemente. A mãe da criança faz parte de uma das famílias despejadas da Favela Olga Benário, no Capão Redondo, na última segunda-feira.

De acordo com o delegado, Iraí Santos de Paula, responsável pelo caso, o inquérito já foi instaurado para apurar os fatos. A SSP informou que, como a autoria do crime já foi estabelecida, agora é preciso localizar a acusada para indiciá-la. Se isso não ocorrer no prazo legal de 30 dias, ela pode ser indiciada sem ser localizada. A acusada pode responder por sequestro e cárcere privado, cujas penas variam entre dois e cinco anos de prisão.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG