Congresso tem índice de reprovação de 44%, mostra Datafolha

SÃO PAULO (Reuters) - O Congresso atingiu índice de reprovação de 44%, segundo pesquisa Datafolha divulgada na edição deste domingo do jornal Folha de S.Paulo.

Redação com Reuters |

No último levantamento, realizado em maio, esse índice estava em 34%. A pesquisa publicada neste domingo indica ainda que 74% dos brasileiros defendem a saída de José Sarney (PMDB-AP) da presidência do Senado. Para 66% dos brasileiros, o senador está envolvido em irregularidades.

Nessa seara, 36% dos entrevistados preferem um afastamento temporário de Sarney e 38% defendem a renúncia.

A pesquisa Datafolha ouviu 4.100 pessoas entre os dias 11 e 13 de agosto.

Eleições

Para as eleições de 2010, o levantamento apontou que o governador de São Paulo, José Serra (PSDB-SP), lidera a preferência dos eleitores. O tucano aparece com 37% das intenções de voto.

Luciano Trevisan/Fotomídia
José Serra, governador de SP
No segundo lugar da lista aparecem tecnicamente empatados a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, com 16% dos votos, e o deputado federal Ciro Gomes (PSDB-CE), com 15%. A margem da pesquisa de erro é de 2% para mais ou para menos.

Segundo o levantamento, esta é a primeira vez que a ministra permanece estável entre uma e outra pesquisa.

A ex-senadora Heloísa Helena (PSOL) surge com 12% da preferência do eleitorado, segundo o Datafolha.

Já a senadora Marina Silva (PT-AC) , que estuda a possibilidade de concorrer à sucessão presidencial em 2010, tem 3% das intenções de voto.

Brancos, nulos e nenhum dos candidatos têm porcentual de 12% e não sabe, de 7%.

Leia também:


Leia mais sobre: crise no Senado

    Leia tudo sobre: congressocongresso em foco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG