Condenado policial por forjar tiroteio com jovem morto

O Tribunal do Júri condenou na madrugada de hoje o policial Daniel Luís Santiago Cortes a 12 anos e 10 meses de prisão, sob acusação de denúncia caluniosa, fraude processual e tortura em decorrência da morte do estudante Rafael Rodrigo Zanella em maio de 1997. O réu também foi condenado à expulsão dos quadros da polícia.

Agência Estado |

Outras três pessoas já tinham sido condenadas anteriormente por envolvimento no mesmo crime e duas devem ser julgadas até segunda-feira.

Segundo a acusação, o estudante, de 20 anos, e outros três amigos iam jogar futebol na noite do dia 28 quando o carro dirigido por Zanella foi abordado por policiais. Um informante da polícia, Almiro Schmidt, fez um disparo que atingiu a cabeça do jovem, matando-o na hora. Posteriormente, os policiais teriam colocado um revólver em suas mãos e escondido maconha em suas roupas para tentar qualificá-lo como traficante.

Cortes era superintendente do 12º Distrito Policial (DP), em Santa Felicidade, onde ocorreu o crime, e teria atirado contra a viatura policial para forjar uma suposta reação de Zanella. Os três amigos do estudante teriam sido levados à delegacia, onde passaram a noite recebendo ameaças e sendo torturados psicologicamente para que admitissem que eram consumidores de droga e que o colega era traficante. No entanto, as primeiras perícias realizadas uma semana depois do crime já começaram a desmontar a farsa.

Os primeiros julgados e condenados foram os investigadores Ailton Adonski e Reinaldo Siduovski. Schmidt foi condenado em 2000 a 21 anos de prisão por homicídio. Amanhã, o Tribunal do Júri deve realizar o julgamento do escrivão Carlos Henrique Dias. Na segunda-feira, é esperada a presença do então delegado de plantão do 12º DP, Maurício Fowler. Ele foi afastado da polícia no ano passado.

"A justiça está sendo feita em sua plenitude e é isso que nós sempre cobramos", disse a mãe do estudante, Elizabete Zanella. Cortes ficará em liberdade, enquanto os advogados entram com recurso.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG