Complexo do Alemão será policiado por 450 homens

A partir de amanhã, o policiamento no Complexo do Alemão, principal reduto do Comando Vermelho, no Rio, será feito por 450 homens com treinamento em uso de arma não-letal, direitos humanos e policiamento comunitário. Inicialmente, eles ficarão baseados em oito furgões na Favela Nova Brasília, uma das 12 comunidades do complexo.

Agência Estado |

Até março, estarão instalados em 20 contêineres blindados espalhados em pontos estratégicos do conjunto de favelas. Outros 150 homens estão em treinamento.

"Nós temos demonstração na vida de que as grandes operações têm determinado resultado. A política do 'sobe-morro-desce-morro' está sendo hoje afastada e substituída pela política da segurança e da convivência", afirmou o secretário-executivo do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), Ronaldo Teixeira. O lançamento da nova modalidade de segurança e outras ações para o controle da violência fazem parte do programa Território da Paz, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva lança amanhã no Rio.

A intenção inicial da secretaria de Segurança era repetir no Rio a estratégia colombiana na favela Comuna 13, em Medelín. Em 2002, operação com 3 mil homens deixou 13 mortos e 35 feridos antes de terem início as obras de urbanização.

O Complexo do Alemão é um dos principais projetos do chamado Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das favelas. Ali terá a maior intervenção, com a construção de um teleférico, ligando cinco comunidades do Alemão à estação de trem. Estão previstos ainda construção de 2.620 apartamentos, biblioteca, hospital, escola de ensino médio, duas creches, abertura de ruas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG