Dois requerimentos de convocação da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, para falar a respeito do suposto dossiê sobre gastos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso com cartões corporativos estão nas pautas de votações de duas comissões do Senado nesta semana. Os dois requerimentos são de autoria do líder do PSDB, senador Arthur Virgílio (AM), e um deles, apresentado na Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor, Fiscalização e Controle, pode ser votado amanhã.

Virgílio requer a presença da ministra para "prestar esclarecimentos sobre a denúncia do cometimento de crime de responsabilidade, tendo em vista a formulação de dossiê sobre as contas sigilosas do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e de sua esposa, a senhora Ruth Cardoso". Já na pauta de votações de quarta-feira da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, um dos assuntos é outro requerimento do líder tucano convocando a ministra para falar da "formulação de dossiê", que ele qualifica de "cometimento de crime de responsabilidade".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.