Comissão de professores deixa sede do governo de SP

Dez representantes do Sindicato dos Professores do Estado de São Paulo (Apeoesp) deixaram no início desta noite o Palácio dos Bandeirantes, na zona sul da capital paulista, após uma reunião de 40 minutos com os secretários adjuntos da Casa Civil, Humberto Rodrigues, e da Educação, Guilherme Bueno. Eles saíram da sede do governo paulista em uma van da Polícia Militar e escoltados por três policiais.

Agência Estado |

A Secretaria da Educação deve divulgar uma nota com o resultado da reunião. Os professores estão em greve desde 8 de março.

Cerca de 7 mil pessoas protestam nas proximidades do Palácio, de acordo com informações da Polícia Militar. Pelo menos cinco ficaram feridos após confronto com a PM.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG