Comissão aprova convite a Mantega e Meirelles falarem sobre crise ao Senado

BRASÍLIA - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, e o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, serão convidados para falar à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado sobre os meios que o Brasil possui para se proteger da crise financeira mundial. Ainda não há data marcada para as reuniões.

Carol Pires, Último Segundo/Santafé Idéias |

Acordo Ortográfico

Para o senador Pedro Simon (PMDB-RS), autor da sugestão de chamar Guido Mantega à comissão, a equipe econômica do governo precisa acalmar a sociedade e explicitar os meios que o Brasil possui para se proteger da crise internacional. É imprescindível que este Congresso e a sociedade estejam cientes dos reais riscos e dos efetivos mecanismos de defesa que dispomos. Por esse motivo, não pode tardar esse pleno esclarecimento do ministro da Fazenda, afirma.

Guido Mantega e Henrique Meirelles anunciaram ontem medidas para o Brasil enfrentar a crise. A primeira aumenta a linha de crédito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em R$ 5 bilhões para créditos pré-embarque (fase de produção). A outra autoriza o Conselho Monetário Nacional (CMN) a usa reservas cambiais para adquirir ativos de bancos brasileiros no exterior, com compromisso de recompra por parte dessas instituições.

Leia mais sobre: Senado

    Leia tudo sobre: senado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG