Comerciante português é morto na zona leste de SP

SÃO PAULO - O comerciante português Mário Alexandre Carvalhal de Almeida, de aproximadamente 55 anos, dono de lojas especializadas em artigos de couro, foi morto a tiros, no início da madrugada desta quarta-feira, ao ter o carro, um Kia Sportage azul, roubado por assaltantes quando chegava em casa, na Vila Vera, região de Ermelino Matarazzo, na zona leste da capital paulista. Não se sabe se a vítima, que foi atingida no abdômen, reagiu ao assalto.

Agência Estado |

Uma testemunha afirma que viu suspeitos deixarem o local do roubo em um Opala preto. Mesmo levado para o pronto-socorro de Ermelino Matarazzo, Mário Alexandre, que possui parentes em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, não sobreviveu.

O carro do comerciante foi localizado por volta das 2h na região de Itaquera, bairro vizinho. Moradores da rua onde o Sportage foi abandonado ligaram para o 190 após serem acordados pelo alarme do carro. Até as 4h nenhum suspeito havia sido detido. Os documentos da vítima não foram encontrados no carro, apenas o aviso de cobrança do IPVA. O caso foi registrado no 24º Distrito Policial, de Ermelino Matarazzo.

Leia mais sobre: assssinatos

    Leia tudo sobre: assassinato

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG