Tamanho do texto

O Marrocos deu, neste sábado, em Fez (200 km ao leste de Rabat), o pontapé inicial das comemorações pelos 1.200 anos da Realeza, aniversário que coincide com a fundação da cidade.

Na praça histórica de Bab Bujlud, diante dos muros da Cidade Velha, 200 artistas de todas as regiões do Marrocos participaram de um espetáculo que misturou canto, dança, fotografia e imagens em torno de quatro elementos: água, terra, fogo e ar.

Os organizadores informaram que, durante um ano, serão realizadas atividades culturais e artísticas em todo o país.

"Celebramos o 1.200º aniversário da cidade de Fez, que significou uma transformação fundamental na história do Marrocos. Com Idriss II, houve um encontro e uma síntese felizes entre a raiz berbere que existia e a contribuição árabe-muçulmana, e essa união constituiu, nos séculos posteriores, a base da marroquinidade", disse à AFP Saad Kettani, alto comissário do evento.

sk/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.