Começa hoje 19º Festival de Curtas-Metragens de SP

Começa hoje o 19º Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo com exatamente 381 títulos, representando 54 países, encaixados em várias seções, algumas já conhecidas do público e outras que estão sendo propostas agora. O evento criado por Zita Carvalhosa tem como tema desta vez a política, discutindo assuntos como engajamento, militância, participação.

Agência Estado |

O festival recupera, na mostra Maio de 68, clássicos de Glauber Rocha e Santiago Alvarez nos anos 60 e 70.

Serão exibidos curtas premiados em festivais, como Cannes, Berlim e Gramado, durante uma extensa grade de programação, de hoje até a próxima sexta-feira, dia 29. Questões ligadas à infância, à sexualidade, ao comportamento serão debatidas. O festival de curtas encara até a doença, por meio de uma seção dedicada ao Mal de Alzheimer, tema do recente Longe Dela , longa de Sarah Polley, com Julie Christie.

Na Mostra Brasil, Jorge Furtado, autor de um dos maiores filmes do cinema brasileiro - o curta Ilha das Flores -, volta ao formato com Rummikub , interpretado por Alice Braga. Dois curtas vencedores do recente Festival de Gramado também integram a mostra, que vai exibir 55 filmes de nove Estados (mais o Distrito Federal). Booker Pittman , de Rodrigo Grota, venceu o prêmio especial do júri e o da crítica. Blackout , que assinala a estréia do montador Daniel Rezende - de Cidade de Deus e Tropa de Elite -, dividiu com Noite de Domingo , de Rodrigo Hinrichsen, o prêmio de melhor ator (Augusto Madeira). O grande vencedor de Gramado, Areia , de Caetano Gotardo, será exibido na mostra Semana da Crítica, com filmes que estiveram em Cannes.

A Mostra Latina exibe 30 filmes de 11 países. Vários deles privilegiam o recorte político - Café Paraiso e Estrada do Norte , dos mexicanos Alonso Ruizpalacios e Ruben Rojo, sobre os problemas de fronteira com os EUA; Caçando Ratos , do equatoriano Vero Shamo-García, sobre o recrutamento de crianças por grupos paramilitares etc. O cineasta argentino Gustavo Taretto, vencedor de 40 prêmios internacionais, ganha retrospectiva de seus curtas que privilegiam o tema da cidade.

Outras seções que trazem curtas premiados de todo o mundo são Mostra Infantil, Fora dos Trilhos (programação concebida pelo Centro Georges Pompidou, de Paris), França Animada, Escolas Alemãs, Semana da Crítica, Dark Side, Mix Brasil, Maio de 68, O Trabalho e Convivendo com o Alzheimer. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

19.º Festival Internacional de Curtas-Metragens

Cinemateca Brasileira . Largo Senador Raul Cardoso, 207, tel. (011) 3512-6111;
CineSesc . Rua Augusta, 2.075, tel. (011) 3087-0500; Unibanco Arteplex . Rua Frei Caneca, 569, tel. (011) 3472-2365; Espaço Unibanco . Rua Augusta, 1.470, tel. (011) 3288-6780; Espaço Unibanco Bourbon . Rua Turiassú, 2.100, tel. (011) 3874-5050; Centro Cultural São Paulo . Rua Vergueiro, 1.000, tel. (011) 3383-3454; Cinusp . Rua do Anfiteatro, 181, Cid. Univ., tel. (011) 3091-3540; Cine Olido . Av. São João, 473, tel. (011) 3331-7703; Centro Cultural da Juventude . Av. Dep. Emílio Carlos, 3.641, tel. (011) 3984-2466; Faap . Rua Alagoas, 903, tel. (011) 3662-7000.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG