Começa depoimento de mãe de Isabella à Justiça

O depoimento à Justiça de Ana Carolina Cunha de Oliveira, mãe da menina Isabella Nardoni, de 5 anos, assassinada em 29 de março, começou por volta das 13h45. Ana Carolina é a primeira das 10 testemunhas de acusação ouvidas hoje pelo juiz Maurício Fossen, do 2º Tribunal do Júri, no Fórum de Santana, zona norte de São Paulo.

Agência Estado |

Os avós maternos de Isabella, José Arcanjo de Oliveira e Rosa Maria Cunha de Oliveira, também vão depor nesta tarde.

O pai e a madrasta da menina, Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, são acusados pelo crime e vão acompanhar o depoimento de Ana de Oliveira, segundo a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça (TJ). O casal está preso preventivamente desde 8 de maio.

Ontem, Fossen ouviu outras sete testemunhas de acusação, entre elas a delegada que chefiou o inquérito, Renata Pontes, e a perita responsável pela perícia, Rosângela Monteiro. A assessoria do TJ havia informado mais cedo que o juiz ouviu oito pessoas ontem, mas esclareceu há pouco que, das oito previstas para o dia, uma foi substituída por uma testemunha marcada para hoje e outra foi dispensada.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG