Começa amanhã 3ª mostra de cinema silencioso em SP

Há quase 114 anos, os irmãos Lumière exibiam pela primeira vez pequenos filmes sobre o cotidiano francês, como a saída de operários de uma fábrica em Lyon, o almoço de um bebê e a chegada de um trem a uma estação. Todos esses filmes mudos e outros 70, também dos Lumière, serão exibidos na 3ª Jornada Brasileira de Cinema Silencioso, que começa amanhã e vai até o dia 16, em São Paulo.

Agência Estado |

"Grande parte dos filmes foi cedida pelo Centro Nacional de Cinematografia da França", conta o curador da mostra, Carlos Roberto.

Além da França, serão exibidos filmes de uma Amazônia ainda inexplorada. Cenas de índios e do desbravamento da floresta estão no longa "O Rio da Dúvida", que mostra uma expedição feita em 1914 pelo ex-presidente americano Theodore Roosevelt junto ao sertanista Cândido Rondon.

Os filmes virão acompanhados de músicos que compuseram canções inéditas para os velhos filmes. A grande atração será a exibição, na Sala São Paulo, entre os dias 13 e 16, do longa "Études Sur Paris", de 1928, com canções criadas por José Antônio de Almeida Prado e interpretadas pela Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. As informações são do Jornal da Tarde.

3ª Jornada Brasileira de Cinema Silencioso . De amanhã até dia 14, na Cinemateca Brasileira (Lgo. Sen. Raul Cardoso, 207, grátis, 12 anos), e de 13 a 16/8, na Sala São Paulo (Pça. Júlio Prestes, 16, R$ 30 a R$ 104, 12 anos).

    Leia tudo sobre: cinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG