Com vistas à Olimpíada, governo assina cooperação com Reino Unido na próxima semana

BRASÍLIA ¿ O governo brasileiro vai assinar na próxima semana um termo de cooperação com o Reino Unido para a organização dos Jogos Olímpicos de 2016. A ideia do acordo é garantir que as experiências dos britânicos na realização da Olimpíada de 2012 em Londres sejam transmitidas ao Brasil.

Christian Baines, iG Brasília |

O acerto deve ser assinado entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o primeiro-ministro do Reino, Unido Gordon Brown, na noite da próxima quarta-feira, durante viagem de Lula à cidade londrina.

O encontro de trabalho com o primeiro-ministro Gordon Brown será um encontro de caráter geral no qual serão avaliadas as relações bilaterais entre os dois países em suas diversas vertentes. A vertente econômica, vertente comercial, vertente científico¿tecnológica e eu daria destaque especial à vertente esportiva. Existem possibilidades importantes de cooperação com vistas à preparação da Olimpíada de 2016, já que o Reino Unido sediará as Olimpíadas de 2012. Deve ser assinado nesse encontro com o primeiro ministro Gordon Brown, um memorando de entendimento sobre cooperação esportiva, que garantirá que a experiência do Reino Unido seja transmitida e seja aproveitada pelo Brasil na organização da Olimpíada de 2016, afirmou o porta-voz da Presidência, Marcelo Baumbach, nesta sexta-feira.

Além de acordar a cooperação esportiva, Lula participa de um seminário patrocinado pelos jornais Financial Times e Valor Econômico sobre oportunidades de investimentos estrangeiros no Brasil. Direcionado a empresários do setor financeiro e industriais, o evento contará com palestras do ministro da Fazenda, Guido Mantega, da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, e do presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho.

O presidente ainda recebe o prêmio de estadista do ano concedido pelo instituto real de assuntos internacionais do Reino Unido, Chatham House. Segundo os outorgantes, a premiação do presidente Lula representa o reconhecimento que durante sua administração o Brasil fortaleceu sua inserção no cenário global e trabalhou para fomentar o consenso nos foros multilaterais. Além disso, reconhece a contribuição significativa do presidente para a redução da pobreza no Brasil, destacou Baumbach.

Lula embarca para Londres na noite de terça-feira em Recife, Pernambuco, onde terá participado do 9º Congresso Nacional de Saúde Pública.

Leia mais sobre: Lula

    Leia tudo sobre: lula

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG