Pulse , Toni Braxton volta ao ritmo que pensava ter perdido - Brasil - iG" /

Com Pulse , Toni Braxton volta ao ritmo que pensava ter perdido

LONDRES ¿ Toni Braxton, uma das grandes vozes da música negra americana, volta à ativa com Pulse, um disco que começará a ser vendido em fevereiro e com o qual a diva diz ter recuperado o ritmo, após quatro anos cheios de problemas pessoais e de saúde.

EFE |

"Quero demonstrar que estou mais viva que nunca", afirmou em Londres em entrevista concedida à Agência Efe, na qual não escondeu que seu retorno ao mundo da música gerou, em um primeiro momento, "muito nervoso, muita tensão e uma grande dose de responsabilidade", que se dissiparam na medida em que foi recuperando a confiança em si mesma.

Não foi fácil para Toni voltar a acreditar em suas possibilidades após quatro anos marcados por diferentes problemas de saúde. A cantora sofre de uma doença nos vasos sanguíneos conhecida como angina microvascular e, além disso, foi diagnosticada com uma pericardite.

Como se já não fosse suficiente, a cantora descobriu ainda que seu filho mais velho tem autismo, o que a levou a considerar abandonar sua carreira musical para sempre.

No entanto, a intérprete, que conquistou fama mundial nos anos 90 com canções como "Unbreak my Heart" e "Breath Again", explica que foi um encontro ao acaso no hospital que trouxe esperanças a ela novamente.

"Enquanto estava internada, conheci uma mulher de 60 anos que tinha sofrido quatro infartos e que me contou que acabava de voltar de férias com seu namorado de 40 anos. Me disse que esta doença não podia me deter, que não podia ganhar a batalha, que eu ainda era muito jovem", lembra a cantora.

A partir daí, Toni começou a trabalhar na criação das 12 faixas de "Pulse", um disco com o qual a cantora volta ao R&B de suas origens e cujo primeiro single, "Yesterday", já foi lançado.

Totalmente renovada e com mais forças que nunca, Toni apenas entristece o olhar quando lembra seu velho amigo Michael Jackson, de quem diz sentir muitas saudades, tanto pessoalmente quanto musicalmente, após seu falecimento em junho.

"Era muito carinhoso e muito próximo. Sinto saudades. Sua música está aí, mas me dá pena por não podermos mais seguir desfrutando dele", afirma a cantora, séria.

Toni conheceu o "rei do pop" durante um evento beneficente, já que desde que sua doença foi diagnosticada, a cantora trabalha como porta-voz da Associação Americana do Coração.

Além disso, também apoia a Associação Americana de Autismo, um trabalho com o qual a cantora pretende ensinar como lidar com a doença.

"Pulse", que começará a ser vendido no dia 22 de fevereiro, é o sexto álbum de estúdio de Toni, que começou sua carreira em 1993 com o conhecido produtor musical Babyface, com o álbum "Toni Braxton", que chegou a vender 10 milhões de cópias em todo o mundo.

    Leia tudo sobre: toni braxton

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG