Com dores nas costas, Hypólito é o sétimo em Stuttgart

Com dores nas costas, o ginasta Diego Hypólito foi o sétimo colocado na prova do solo na etapa de Stuttgart da Copa do Mundo de ginástica artística, com a pontuação 14,450. No salto, o brasileiro obteve a quarta colocação.

Agência Estado |

A medalha de ouro no solo foi para o alemão Fabian Hambüechen, que marcou 15,525. O britânico Kristian Tomas, com 15,450, e o israelense Alexander Shatilov, que registrou 15,400, completaram o pódio.

Na sexta-feira, Hypólito havia conquistado a nota 15,400, a segunda melhor na fase classificatória. Apesar do resultado, o brasileiro está garantido na Superfinal da Copa do Mundo, que será disputada em Madri, em dezembro.

O ginasta também disputará a prova do salto na Superfinal. Neste sábado, Hypólito obteve 15,812 pontos, na quarta colocação. O ouro foi para o francês Thomas Bouhail, com 16,200, enquanto o holandês Jeffrey Wammes, 16,037, ficou com a prata e o alemão Mattias Fahrig levou o bronze - 15,900.

Na disputa feminina, a irmã de Diego, Daniele, ficou em oitavo na prova do solo. A colocação não garante vaga em Madri e a ginasta conta com a desistência de alguma adversária para participar da Superfinal. A chinesa Fei Cheng levou o ouro. A australiana Laure Mitchell e a chinesa Yilin Yang completaram o pódio.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG