O Centro de Cirurgia Plástica e Reabilitação e o médico Domingos Quintella de Paola terão de pagar R$ 43,8 mil por danos estéticos, morais e materiais a uma paciente que teve a mama deformada em uma cirurgia plástica. Segundo o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, a paciente fez uma operação para colocar silicone nos seios em 1999.

Na ocasião, ela contraiu infecções e teve que se submeter a várias cirurgias reparadoras com alto grau de complicação, o que provocou uma deformidade na mama.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.