Cirurgia de Pitanguy termina após 7 horas e meia

Terminou por volta das 16h50 a cirurgia cardíaca a que foi submetido o cirurgião plástico Ivo Pitanguy. Depois de sete horas e meia de operação, ele recebeu pontes de safena e ponte mamária e trocou a válvula da aorta.

Agência Estado |

Pitanguy foi internado com estenose aórtica (estreitamento da válvula da artéria, que provoca obstrução do fluxo sanguíneo) e obstrução das artérias coronárias. O cirurgião está internado na Unidade Coronariana do Hospital Samaritano, em Botafogo, na zona sul da cidade, e não tem previsão de alta.

O médico sentiu-se mal no domingo em sua casa de veraneio, em Angra dos Reis, litoral sul do Rio de Janeiro, e foi transferido de helicóptero para a capital fluminense. O cirurgião já havia recebido o diagnóstico de estenose aórtica e estava sob acompanhamento. Nos últimos tempos, Pitanguy contraiu infecção respiratória, que vinha sendo tratada com antibióticos. Essa infecção agravou o quadro cardíaco do cirurgião.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG