Beirute, 19 jul (EFE).- Emir Kusturica e The No Smoking Orchestra animaram na noite deste sábado o palácio libanês de Beiteddine, que foi palco de um dos mais famosos festivais do Líbano.

Durante uma hora e meia, Kusturica e sua orquestra, composta de guitarras, baixo, tuba, saxofone, bateria, percussão e acordeão, impuseram um ritmo movimentado sobre o palco, que em vários momentos se encheu de integrantes da plateia.

Como em todas as suas atuações, Kusturica deixou o protagonismo ao cantor, que não parou de falar e animar o público, entre o quais acabou se misturando.

Com músicas de seus discos e de seus filmes, nos quais se misturavam o rock e o punk, com ritmos ciganos e dos bálcãs, Kusturica e a orquestra transmitiram do começo ao fim o espírito festivo do evento.

O festival de Beiteddine, realizado em um palácio do século XIX, situado nas montanhas de Shouf, no sudeste do país, começou com uma homenagem à famosa cantora egípcia Um Kulzum (1904-1975) por Amal Maher, acompanhada da orquestra de Selim Sahhab. EFE ks/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.