Cinco advogados são presos em operação no MT

Polícia cumpre nove mandados de prisão contra grupo acusado de corrupção

Agência Estado |

Pelo menos cinco advogados já foram detidos na manhã desta terça-feira pela Polícia Federal (PF), que cumpre nove mandados de prisão temporária e 30 de busca e apreensão contra um grupo acusado de corrupção ativa e passiva, formação de quadrilha e exploração de prestígio em Mato Grosso.

Segundo a Polícia Federal, a Operação Asafe, referência ao profeta que escreveu o salmo 82 da bíblia, está sendo realizada em Cuiabá, Várzea Grande e Alto Paraguai, no Mato Grosso, por determinação do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Estão sendo presos advogados, lobistas e um funcionário público. O inquérito judicial está sendo acompanhado pelo Ministério Público Federal no Estado.

Participam da operação 125 policiais federais e dois médicos, acompanhados de seis membros do Ministério Público Federal e dez representantes indicados pela Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso.

    Leia tudo sobre: Polícia FederalMato Grosso

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG