Cidade de São Paulo sai do estado de atenção

A cidade de São Paulo enfrentou nesta sexta-feira o 45º dia seguido de chuvas. O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura decretou estado de atenção em todas as regiões das 17h25 até as 18h20, quando as chuvas diminuíram. Se comparada com as chuvas de quarta e quinta-feira, as pancadas desta sexta-feira foram bem mais fracas.

iG São Paulo |

Segundo o CGE, as chuvas que atingem a capital paulista nesta sexta-feira perderam intensidade, restando apenas chuvas fracas entre as zonas oeste, leste, norte, centro e pontos isolados da zona sul.

Na Grande São Paulo, a precipitação ainda é forte entre os municípios de Cotia, Osasco, Carapicuíba e Barueri. Nas demais cidades, chove fraco e de maneira localizada. A previsão é de que as chuvas deixem a capital na próxima hora.

No fim de semana o tempo não deve mudar muito e seguirá com condições típicas de verão, ou seja, sol e calor com pancadas de chuva no final das tardes. As temperaturas devem variar entre mínimas de 19ºC e máximas chegando aos 33ºC. 

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), até quinta-feira, em São Paulo, já choveu o equivalente a 60% da média histórica de 235,4 milímetros para fevereiro. A medição feita no Mirante de Santana, na zona norte da cidade, aponta que choveu 145,6 milímetros em fevereiro até ontem.

Ao menos 196 pessoas já morreram por conta dos temporais nos Estados das regiões Sul e Sudeste, segundo a Secretaria Nacional de Defesa Civil. O Rio de Janeiro é o Estado que registra mais óbitos decorrentes dos temporais, com 84 mortes. Até quinta-feira, São Paulo já registrava 73 mortes.

Leia mais sobre: chuva

    Leia tudo sobre: chuva

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG