Cidade de São Paulo sai de estado de atenção e rodovias são liberadas

SÃO PAULO - A cidade de São Paulo saiu completamente do estado de atenção às 20h26. As rodovias Dutra e Régis Bittencourt, que tinham pontos de alagamento intransitáveis, também foram liberadas. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), a precipitação média na capital foi de 33,6 milímetros, o equivalente a 27% da média climatológica para a cidade no mês de outubro, que é de 124mm.

Redação |

A partir deste horário e durante a madrugada, estão descartadas as possibilidades de novos temporais pelo CGE. O céu fica com muitas nuvens, com ocorrência apenas de garoa e chuva leve isolada.

AE
Rio Tietê, visto da ponte do Tatuapé, na zona leste de São Paulo, que teve o seu nível de água elevado durante a chuva na capital paulista, nesta segunda-feira. A forte chuva que atinge a capital paulista, na tarde de hoje (26), já provocou seis pontos de alagamento transitáveis e levou o Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura a decretar estado de alerta para os bairros de São Miguel Paulista e Itaim Paulista, na zona leste da cidade.
Rio Tietê, visto da ponte do Tatuapé, na zona leste de São Paulo, que teve o seu nível de água elevado durante a chuva na capital paulista, nesta segunda-feira.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registra dezoito pontos de alagamento na cidade. Os bairros mais afetados são Itaim Paulista, São Miguel Paulista, Butantã, Lapa e Pinheiros.

Até as 20h30, a rodovia Régis Bittencourt teve pontos de alagamento intransitáveis, de acordo com a Polícia Rodoviária. Na região de São Paulo, o motorista não conseguia passar pelos quilômetros 276 e 274. No sentido Paraná, havia outro trecho intransitável, no quilômetro 212.

AE
Congestionamento na rodovia Presidente Dutra, sentido Rio de Janeiro/São Paulo, na região do Parque Novo Mundo
Congestionamento Dutra, sentido Rio-São Paulo, na região do Parque Novo Mundo

A rodovia Dutra estava alagada no quilômetro 212, na região de São Paulo, de acordo com a Polícia Rodoviária, mas foi liberada às 19h. No sentido da capital, há lentidão desde o quilômetro 212 até o quilômetro 203. Já no sentido Rio de Janeiro são 13 quilômetros de tráfego lento na saída de São Paulo.

Mais cedo, os bairros de São Miguel Paulista, Itaim Paulista e Butantã entraram em estado de alerta devido a córregos que transbordaram. De acordo com o CGE, água já baixou a níveis normais nos três bairros.

Na terça-feira, a condição para a ocorrência de chuvas com maior intensidade aumenta em função dos ventos úmidos que sopram do oceano, associados a áreas de instabilidade que atuam sobre o Estado.

O céu fica com muitas nuvens e as pancadas de chuva são esperadas a partir da tarde, se prolongando para o período da noite. Há risco de chuva forte em alguns bairros e cidades da Grande São Paulo.

Leia mais sobre: chuva

    Leia tudo sobre: chuvasão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG