A ciclofaixa de lazer, implementada no domingo em vias movimentadas da zona sul de São Paulo, foi aprovada com ressalvas pelos paulistanos que testaram pela manhã - das 7h às 12h - o percurso de cinco quilômetros. O sol ajudou, e centenas de ciclistas de todas idades circularam pelo trajeto que interliga os Parques do Povo, do Ibirapuera e das Bicicletas.

AE
Cilclofaixas em São Paulo

Cilclofaixas em São Paulo

Apesar de críticas à pouca sinalização e da falta de orientação nos desvios feitos pelas calçadas, usuários foram quase unânimes em defender que a iniciativa se espalhe para outros pontos da capital. Segundo a Polícia Militar (PM), cerca de 10 mil pessoas usaram no domingo a ciclofaixa.

O trajeto da ciclofaixa passa por avenidas como Juscelino Kubitschek, República do Líbano e Faria Lima. A reportagem testou o percurso de bicicleta por duas vezes. O principal problema é entrar no desvio que leva ao Parque do Povo, no cruzamento da Rua Inhambu com a República do Líbano. Entre os Parques das Bicicletas e Ibirapuera, o trajeto de cerca de 900 metros tem linha única e é feito sem dificuldades. Mas para entrar no circuito que leva à Faria Lima não existia sinalização.

Ao todo, são nove pontos no trajeto que exigem a travessia da faixa de pedestres pela calçada. Ontem, monitores ficavam nos cruzamentos semaforizados com faixas de "pare" esticadas a todo momento que o sinal ficava vermelho. O principal problema de ontem foi a mistura de grupos de ciclistas que costumam treinar em ritmo de velocidade bem maior que as famílias, que fazem um passeio recreativo.

Ajustes

Diversos secretários da gestão Gilberto Kassab (DEM), o próprio prefeito e vereadores foram ao evento e andaram de bicicleta pela ciclofaixa. "Precisamos agora fazer algumas correções. Mas é uma ciclofaixa para a família.

Para os esportistas, estudamos a recuperação do velódromo. Aqui é um espaço para os pais passearem com os filhos, de lazer mesmo", argumentou o Secretário Municipal de Esportes, Walter Feldmann. "Temos de repensar o modelo de cruzamento na esquina da Faria Lima com a Juscelino Kubitschek. O importante é que o projeto era um sonho que já é realidade."

Confira os detalhes do trajeto da ciclofaixa:

- Av. Ibirapuera, entre a av. República do Líbano e o portão do Parque das Bicicletas (ciclovia bidirecional na calçada).

- Av. República do Líbano, entre o Portão 8 do Parque Ibirapuera e a av. Ibirapuera (ciclofaixa unidirecional nos dois lados da via, junto ao canteiro central);  

 - Av. Inhambu, entre a av. Hélio Pelegrino e a av. República do Líbano (ciclofaixa unidirecional nos dois lados da via, junto ao canteiro central);  

- Av. Hélio Pelegrino, entre a av. Brig. Faria Lima e a av. Inhambu (ciclofaixa unidirecional nos dois lados da via, junto ao canteiro central);   

- Av. Brigadeiro Faria Lima, entre a av. Juscelino Kubitscheck e a av. Hélio Pelegrino (ciclofaixa unidirecional nos dois lados da via, junto ao canteiro central);

- Av. Juscelino Kubitscheck, entre a av. Henrique Chamma e a av. Brigadeiro Faria Lima (ciclofaixa unidirecional junto ao meio fio nos dois lados da via);

- Av. Henrique Chamma, entre o portão do Parque do Povo e a Av. Juscelino Kubitscheck (circulação de bicicletas bidirecional na calçada junto ao Parque do Povo).

Leia mais sobre: bicicleta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.