As fortes chuvas que atingiram o litoral do Paraná neste final de semana deixaram cerca de 200 pessoas desabrigadas - pessoas que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos -, informou o chefe da Casa Militar do governo do Estado, coronel Washington Rosa. Segundo ele, foram registrados 45 pontos de alagamentos em Paranaguá e em praticamente todo o balneário de Pontal do Sul e Guaratuba.

Também há o registro de 41 quedas de árvores e três desabamentos de residências. "A cidade de Paranaguá está sem água tratada, mas o abastecimento deve retornar às 17 horas", disse.

Não há confirmação de vítimas fatais, mas uma pessoa está desaparecida após soterramento de um estabelecimento comercial em Guaratuba. O acidente ocorreu na altura do quilômetro 684 da BR 376. Bombeiros do Paraná e de Santa Catarina trabalham no local. Esse trecho da rodovia está parcialmente interditado.

Também há outros dois registros de interdição parcial da BR 376 no sentido sul, nos quilômetros 140 (próximo a Itajaí) e 235 (Palhoça). Segundo informações da Policia Rodoviária Federal (PRF), existem seis pontos de deslizamentos de terra na pista.

As recomendações são para que as pessoas não viajem pela BR-376 até que a situação seja normalizada, porque começa a faltar água e comida nos restaurantes, bares e lojas de conveniência localizados na margem da rodovia. Um caminho alternativo para Florianópolis e Joinville é a BR-116, via Lajes, mas esse desvio aumentaria o percurso em mais de 190 quilômetros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.