Chuva provoca deslizamentos e morte em Minas Gerais

Homem foi arrastado por correnteza e morreu afogado na região da Pampulha. Em nove horas choveu metade do esperado para o mês

iG São Paulo |

A forte chuva que atingiu a cidade de Belo Horizonte (MG) e a região metropolitana da capital mineira na madrugada desta terça-feira provocou a morte de uma pessoa, além de diversos estragos na cidade e transtornos aos moradores.

Segundo a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), a Grande Belo Horizonte foi atingida por 123 milímetros de chuva, cerca de 50% do esperado para todo o mês de novembro.

AE
Chuva interdita a avenida Cristiano Machado, no bairro Primeiro de Maio, em Belo Horizonte, e deixa carro submerso

De acordo com informações da Polícia Militar, o entregador de gás Edgard Bispo dos Santos, de 36 anos, morreu arrastado pela correnteza no bairro Ouro Minas, na região da Pampulha, nordeste da capital. O corpo dele foi encontrado no Córrego do Onça.

Moradores contaram aos bombeiros que ele chegou a pedir que os vizinhos deixassem as casas por causa do aumento do nível do Córrego do Onça, que passa pelo local, mas teria voltado ao seu barracão para buscar animais domésticos, quando foi levado pela água.

Próximo ao local, a avenida Cristiano Machado (Linha Verde), que dá acesso ao Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na região metropolitana da capital, também foi tomada pela água. O trecho entre os bairros São Gabriel e Dona Clara ficou totalmente interditado e começou a ser parcialmente liberado no fim da manhã.

Um homem se refugiou em uma árvore na avenida e teve que ser içado pelo helicóptero da Polícia Militar.

Já na avenida Sebastião de Brito, no bairro Dona Clara, um ônibus ficou ilhado no fim da madrugada e os passageiros tiveram que subir no teto do veículo para se proteger. Eles foram resgatados pelos bombeiros apenas no início desta terça-feira.

No bairro de Ouro Preto, o deslizamento de um barranco de cerca de 30 metros deixou três pessoas feridas, incluindo uma criança de 8 anos, que ficou soterrada por cerca de duas horas.

Todos foram resgatados e encaminhados a hospitais pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas ainda não há informações sobre o estado de saúde deles.  A Defesa Civil interditou outras residências na mesma rua e avalia o risco de novos deslizamentos no local.

Cratera e interdição

Na cidade de Betim o temporal abriu uma cratera na avenida Edmeia Marcos Lazarotti, no bairro Angola. Um motorista não conseguiu frear e acabou caindo com o carro dentro da vala, mas não se feriu. O veículo foi retirado do buraco por um guincho.

AE
Motorista não consegue frear e cai em cratera na avenida Edmeia Marcos Lazarotti, no bairro Angola, em Betim

Na cidade de Ravena, também na região metropolitana, a BR-381 foi interditada nos dois sentidos para reconstrução de parte da rodovia que cedeu por conta da chuva, segundo decisão do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). A previsão é de que as obras emergenciais terminem no sábado.

De acordo com o Instituto Nacional de Meterologia (Inmet), as condições meteorológicas são favoráveis à ocorrência de chuva moderada a forte, com trovoadas e rajadas de vento no leste e nordeste do Estado na tarde e noite desta terça-feira. Em Belo Horizonte (MG) a máxima prevista para o dia é de 24ºC.

*Com informações da Agência Estado

    Leia tudo sobre: chuvabelo horizontecrateradeslizamento

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG