Chuva provoca alagamentos na Grande SP

O município de São Bernardo do Campo, no ABC paulista, sofre com áreas alagadas em razão das fortes chuvas que atingem a região na tarde desta segunda-feira. Segundo o Centro de Reflexão do Trânsito (CRT), órgão ligado à Secretaria de Transportes e Vias Públicas de São Bernardo, por volta das 18h40, havia um ponto de alagamento intransitável na Avenida Piraporinha, esquina com Avenida Robert Kennedy, na divisa com Diadema.

Agência Estado |

O centro registrava pontos de alagamentos transitáveis na Avenida Prestes maia, com Rua Marechal Deodoro; no entorno do Paço Municipal e na Rua Jurubatuba, no cruzamento da Rua Djalma Dutra, onde apenas caminhões e ônibus conseguem transitar.

O Corpo de Bombeiros informou que recebeu inúmeras chamadas para socorrer pessoas ilhadas e árvores caídas, principalmente nas avenidas Piraporinha, Brigadeiro Faria Lima, Rua Jurubatuba e no Corredor ABD. Não há registro de pessoas feridas ou desaparecidas na região.

Trem e metrô

As linhas 10 e 11 da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) tiveram o serviço interrompido parcialmente nesta segunda-feira, 1º, em decorrência das chuvas que atingem São Paulo e a região de Santo André, no ABC.

A circulação na linha 10 - Turquesa (Luz-Rio Grande da Serra) ficou interrompida entre as estações Prefeito Saladino e Capuava, das 17h às 17h50. Já extensão da Linha 11 - Coral (Guaianases-Estudantes), foi interrompida das 17h40 às 18h32, no trecho entre Antonio Gianetti e Poá.

Para as duas linhas, a CPTM acionou o Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência (Paese), com ônibus da EMTU para realizar o trajeto no trecho afetado.

No Metrô, todas as linhas operam com restrição de velocidade, atitude preventiva sempre que chove muito na cidade. A SPTrans informou que opera normalmente, apenas com lentidão decorrente do congestionamento na cidade.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG