Chuva perde intensidade e São Paulo deixa o estado de atenção

A chuva que atingiu a região metropolitana de São Paulo nesta segunda-feira deixou todas as regiões da capital paulista em estado de atenção até as 15h15, informou o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura.

iG São Paulo |

Inicialmente, às 14h10, apenas as zonas oeste, norte e centro, além das marginais estavam em estado de atenção. Mas com o deslocamento das chuvas, as demais regiões da capital paulista também entraram em atenção às 14h30. A cidade voltou ao estado de observação às 15h15.

De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), o Aeroporto de Congonhas, na zona sul, ficou fechado para pousos e decolagens das 14h25 até as 14h41, quando os ventos chegaram a 76km/h.

Segundo o CGE, as áreas de instabilidade que atingem a Capital começam a perder intensidade, restando apenas chuvas leves e chuviscos em pontos isolados. Observa-se chuva forte apenas no extremo da Zona Sul, entre os bairros de Grajaú, Parelheiros e Engenheiro Marsilac.

Na Grande São Paulo, ainda chove forte entre os municípios de Itapecerica da Serra, São Lourenço da Serra e Embu-Guaçú.

Às 13h e às 13h25, respectivamente, a estação meteorológica automática do Mirante de Santana (Inmet) e o aeroporto de Guarulhos registraram rajadas de vento de 40km/h.

Previsão

A previsão para a terça-feira é de chuva em função da atuação da frente sobre o Estado. O risco de chuva forte na região metropolitana e Capital a partir da tarde ainda continua. As temperaturas caem um pouco e não devem ultrapassar os 27ºC.

Somente na quarta-feira é que as chuvas diminuem, mas em função da grande cobertura de nuvens e dos ventos úmidos do mar, a temperatura máxima não sobe muito e oscila em torno dos 25,0ºC.

* com informações da Agência Estado

Leia mais sobre: chuva

    Leia tudo sobre: chuva

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG