Chuva no RJ já provocou 179 mortes, dizem bombeiros

Relatório do Corpo de Bombeiros divulgado na noite desta quinta-feira aponta que 179 pessoas morreram em decorrência das chuvas no Estado do Rio de Janeiro. Entre as mortes, 104 foram registradas em Niterói, 55 na cidade do Rio e 16 em São Gonçalo.

Agência Estado |

Os municípios de Petrópolis, Paracambi, Magé e Nilópolis registraram uma morte cada. Até esta noite, segundo dados da Defesa Civil estadual, mais de 14 mil moradores foram obrigadas a deixar suas casas.

A Defesa Civil municipal do Rio informou que a cidade continua em estado de atenção devido à previsão de chuva em todas as regiões. O órgão destacou que ainda existe probabilidade de escorregamentos em locais de encosta em razão do acumulo de água provocado pela chuva em alguns bairros.

Das 17 horas da segunda-feira até as 17h30 de hoje, a Defesa Civil recebeu 1.182 solicitações, sendo a maioria sobre deslizamentos de barreiras e ameaça de desabamento de imóveis. Até o momento, 5 mil pessoas da cidade estão desabrigadas. A Prefeitura disponibilizou 64 abrigos para os moradores que foram obrigados a deixarem suas casas. Os abrigados já recebem assistência médica.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG