Chuva em São Paulo atrapalha trabalho de técnicos no lago do Parque da Aclimação

SÃO PAULO - Os técnicos da empresa contratada para avaliar as causas do esvaziamento do lago da Parque da Aclimação, na região central de São Paulo, não conseguiram chegar ao local do rompimento da tubulação que drenou a água. De acordo com Secretaria Municipal de Verde e Meio Ambiente, a chuva que atingiu a capital nesta terça-feira deixou o solo ainda mais instável, o que impede a evolução do trabalho de inspeção.

Redação |

O lago do Parque da Aclimação foi completamente esvaziado nesta segunda-feira, depois que a tubulação hidráulica que regula o nível de água (vertedouro) se rompeu com as fortes chuvas que atingiram a cidade.

A Secretaria Municipal de Verde e Meio Ambiente informou que os técnicos que trabalharam nesta terça-feira chegaram a fazer algumas passarelas para chegar ao ponto de rompimento do vertedouro, mas essas passagens também afundundaram na lama.

As causas do rompimento ainda não foram esclarecidas. A Prefeitura faz reformas na rede de esgoto do parque para despoluir o lago, mas não se sabe explicar se as obras têm relação com o rompimento da tubulação.

Nesta quarta-feira-feira, técnicos da Secretaria de Infra-Estrutura Urbana e Obras (SIURB), devem ir ao local para analisar o problema. Durante esta noite, apenas seguranças do parque farão o monitoramento do local.

AE
Área do lago do parque da Aclimação ficou tomada pela lama

Resgate dos animais

Cerca de 78 mil metros cúbicos de água do lago escoaram para o rio Tamanduateí. A enxurrada levou parte das carpas e tilápias e aves aquáticas, como o socó-dorminhoco, martim-pescador, marrecos, gansos, patos e aves migratórias.

As cerca de 40 aves aquáticas capturadas foram levadas para a divisão de fauna da Secretaria Municipal de Verde e Meio Ambiente, localizada no Parque do Ibirapuera.

A maior parte do resgate dos animais foi feita na segunda-feira. Um dos bombeiros entrou no lago, mas, quando a lama chegava à altura do pescoço dele, as equipes resolveram suspender as buscas por motivo de segurança. Cordas também foram usadas, mas não funcionaram como se esperava.

AE
Imagem do lago da do Parque da Aclimação após o rompimento de uma tubulação

Um casal de cisnes negros que estava encalhado na lama do fundo do lago conseguiu sair do local sem a ajuda dos bombeiros na manhã desta terça-feira. Apenas um cisne negro fêmea ainda não foi resgatado. A retirada deste aninal foi suspensa e será retomado na quarta-feira. Tratadores esperam que o animal se aproxime tão logo sinta fome.

Leia mais sobre: Parque da Aclimação

    Leia tudo sobre: parque da aclimação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG