Chuva causa interdições em rodovias do Rio de Janeiro

Vários trechos de rodovias que cortam o Rio de Janeiro estão interditados na manhã desta quarta-feira por conta das fortes chuvas que atingem o Estado desde o início da noite de segunda-feira. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recomenda que os usuários evitem circular pelas rodovias e aguardem a situação melhorar.

iG Rio de Janeiro |

Arte iG

Na Rio-Santos (BR-101-Sul), na altura do quilômetro 450, em Mangaratiba, a situação piorou desde a madrugada - uma pedra de grandes proporções rolou e fechou totalmente a via em ambos os sentidos. Não há previsão de reabertura. Técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Denit) e agentes da PRF estão no local e consideram a possibilidade de explodir a pedra.

Na rodovia RJ-104, que liga Niterói a Manilha, o tráfego está interditado, na altura do bairro Caramujo, devido aos desabamentos de casas e deslizamento de terra na área localizada a margem da rodovia. Os motoristas que trafegarem na via encontrarão uma viatura na altura de Maria Paula, indicando o desvio que será utilizado como rota alternativa até a regularizar a situação.

Na ponte da RJ-140, rodovia da Região dos Lagos, ocorreu um transbordamento do rio Piripiri, na altura de São Vicente (2º distrito de Araruama), interditando o acesso ao município de Silva Jardim. A equipe do Departamento de Estradas e Rodagem (DER) está aguardando a diminuição desse nível de água para analisar as medidas necessárias. Por enquanto a solução para os motoristas é utilizar a BR-101, no sentido Rio de Janeiro, ou seguir por Silva Jardim em direção à Via Lagos.

Ignácio Ferreira

Entroncamento da rodovia RJ-106 com a Via Lagos

Na rodovia RJ-106, a Serra do Mato Grosso, entre Saquarema e Maricá, continua interditada nos dois sentidos. Se a chuva der uma trégua, a previsão é que tudo se normalize amanhã. Ainda na RJ-106, a recomendação é que se evite transitar entre Araruama e São Pedro da Aldeia, devido aos problemas de alagamento e queda de barreiras. Equipes do DER estão no local sinalizando e atuando na limpeza das encostas. A orientação é que os motoristas utilizem a Via Lagos.

Dia de caos

Na terça-feira,  Rio de Janeiro viveu um dia de caos. Foram registradas mais de 100 mortes, sendo a maioria vítimas de deslizamento de terra, e 202 pessoas ficaram feridas após uma forte chuva que atingiu o Estado.

As aulas foram suspensas, serviços públicos tiveram o expediente cancelado, o aeroporto Santos Dumont ficou fechado durante boa parte da manhã e empresas cancelaram a venda de bilhetes com destino para o Rio.

Esta é considerada a pior chuva já vista no Rio de Janeiro . Em 24 horas, o número de mortos superou o registrado nos quatro meses de verão em São Paulo.

*com informações da Agência Estado


Dramas e relatos

Leia também:

Leia mais sobre: chuvas

    Leia tudo sobre: chuvachuvasmeteorologiatemporais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG