Chuva causa estragos e deixa três mortos em SP e MG

Deslizamento de encosta matou menino de 4 anos em Juiz de Fora (MG). Em São José do Rio Preto (SP), homem foi levado por enxurrada

iG São Paulo |

Duas pessoas morreram em Minas Gerais e uma em São Paulo, vítimas das fortes chuvas dos últimos dias que afetaram o Sudeste do País. Em Minas, mais um milhões de pessoas foram de alguma forma afetadas pelas chuvas.

Agêcia Estado
Centro de Matozinhos, ao norte de Belo Horizonte, completamente alagado depois do temporal que atingiu a cidade nesta manhã
O último boletim divulgado pela Defesa Civil do Estado aponta 9.524 desalojados e 803 desabrigados. Pelo menos 20 pessoas ficaram feridas. Um deslizamento de encosta na madrugada desta terça-feira causou a morte de Fabrício Fernandes Rocha do Amaral, de 4 anos, no bairro de Marilândia em Juiz de Fora (MG). 

Segundo a Defesa Civil, cinco pessoas estavam na residência atingida pela terra, mas quatro delas foram socorridas por moradores antes da chegada dos bombeiros. Já Amaral chegou a ser encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

O deslizamento de uma encosta sobre uma residência, no bairro Leonardo, também soterrou três pessoas na cidade de Cataguases (MG). Duas foram salvas pelos bombeiros com vida, mas Marisângela Alves da Silva, 31 anos, já foi encontrada sem vida.

A Defesa Civil contabiliza 57 municípios afetados, sendo que Coração de Jesus e Cuparaque decretaram situação de emergência.

Com as duas mortes ocorridas hoje, os temporais que castigam Minas Gerais já deixaram cinco mortos no Estado desde a intensificação das chuvas, em novembro, de acordo com a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec).

No dia 15 deste mês, uma adolescente de 13 anos foi arrastada pela enxurrada em Santa Maria do Suaçuí. Nos dias 23 e 25 de novembro, Edgar Bispo dos Santos, de 36 anos, foi levado pelas águas do córrego do onça, em Belo Horizonte, e Maria das Graças Azevedo, de 62 anos, foi encontrada entre os escombros de um desabamento em Visconde do Rio Branco.

Interior de SP

Em São José do Rio Preto (SP), um homem de 56 anos morreu na segunda-feira, após ser levado por uma enxurrada. Segundo a Defesa Civil municipal, ele foi encontrado no bairro São Jorge, na zona norte da cidade, houve o transbordamento de um rio. Ele teria tentado atravessar uma das pontes, que foi encoberta pelo rio, sendo arrastado pela correnteza.

Estragos

A chuva de domingo também interditou rodovias que ligam Minas Gerais a Santana dos Montes. A elevação dos rios Fonte Lima e Cachoeira, que cortam a cidade, causou o transbordamento e inundação na parte baixa do município, deixando aproximadamente 40 famílias desalojadas.

Houve deslizamentos de encostas e queda de árvores ocasionando interdição de vias vicinais que ligam o município à BR-040 e à MG-405. O Departamento de Estradas e Rodagem (DER) foi acionado para intervenção das estradas obstruídas por conta da queda de barreiras em vários pontos.

Um caminhão-pipa foi disponibilizado para abastecimento da população afetada até que a situação seja normalizada, pois uma adutora que abastece o município rompeu com as chuvas. Pelo menos 65 residências foram afetadas.

Na cidade de Entre Folhas, a cheia do rio de mesmo nome no domingo inundou toda a área central do município e parte da zona rural. Segundo a Defesa Civil, 600 pessoas ficaram desalojadas, outras oito estão desabrigadas e 180 residências foram danificadas pela inundação, além do posto de saúde e da biblioteca pública.

O transbordamento do rio Caratinga afetou vários municípios da região. Na cidade de Inhapim, a parte mais afetada foi a área comercial do centro. Não há registro de vítimas e a situação começa a se normalizar. Está sendo realizada a limpeza da cidade e a contabilização dos danos e prejuízos.

Em Ubaporanga, o transbordamento do rio atingiu a Praça Vírgilio da Silva Rezende, além dos bairros Centro e João Carlota. Trinta e sete pessoas ficaram desalojadas e parte da adutora de abastecimento de água potável rompeu, ficando temporariamente suspenso o abastecimento para parte da população. Na cidade de Dom Cavati, há registro de 400 pessoas desalojadas. A cidade de Vargem Alegre também foi atingida pelas inundações.

*Com informações da Agência Estado

    Leia tudo sobre: chuvasmortosenxurrada

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG