Chuva causa estragos e deixa parte de Belo Horizonte sem energia

Uma forte chuva, acompanhada de granizo e ventania, atingiu na noite de segunda-feira a cidade de Belo Horizonte. Pelo menos 17 árvores foram derrubadas pelo vento e vários bairros ficaram sem luz.

Agência Estado |

Futura Press
Postes e árvores foram destruídos pelo temporal em Belo Horizonte

Postes e árvores foram destruídos pelo temporal em Belo Horizonte

As regiões centro-sul e oeste foram as mais castigadas. O desligamento de semáforos deixou o trânsito muito complicado no horário de pico. A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) informou que até a manhã desta terça-feira a distribuição de energia estará restabelecida em toda a cidade.

Queda de muro

No bairro Carlos Prates, o muro de um imóvel abandonado e em processo de demolição caiu sobre um veículo. O motorista teve ferimentos leves.

Ainda na mesma região, uma loja de pneus pegou fogo. Há suspeita que o incêndio foi causada pela queda de um raio. Algumas árvores também se incendiaram em razão de curto-circuito em transformadores. No bairro Nova Granada, uma árvore infestada por cupins caiu sobre a fiação de um poste, que cedeu e atingiu as grades do estacionamento de uma padaria. Duas casas desabaram no bairro Havaí.

Futura Press
Muro cai sobre carro

Muro cai sobre carro e motorista tem ferimentos leves


Um veículo foi atingido por outra árvore no bairro Concórdia. A Avenida Prudente de Moraes, no bairro de Cidade Jardim, ficou parcialmente bloqueada em razão de um alagamento.

Nos bairros Nova Suíça e Barroca também foram registrados vários pontos de alagamento. Entre outros bairros que também registraram quedas de árvore estão Barro Preto, Nova Suíça, Nova Gameleira, Concórdia e São Pedro. Regiões das cidades de Contagem e Santa Luzia, na região metropolitana, também sofreram estragos causados pela chuva.

Leia mais sobre chuvas

    Leia tudo sobre: chuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG