Chuva causa 38 pontos de alagamento em São Paulo

Às 15h30, uma hora após toda a cidade de São Paulo entrar em estado de atenção por causa da chuva, já eram registrados 38 pontos de alagamento. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que 17 alagamentos são intransitáveis.

Agência Estado |

A via mais afetada é a Avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello, no sentido Sapopemba, com cinco pontos de alagamento. Alguns deles estão na via, perto da Rua Amparo, junto da Avenida Paes de Barros e da Rua Maria Daffré.

Às 15h50, a cidade registrava 92 quilômetros de vias congestionadas. O pior ponto estava na Avenida Salim Farah Maluf, sentido Vila Prudente, com 6,4 quilômetros de engarrafamento, na pista expressa, da Ponte do Tatuapé até a Anhaia Mello.

O Aeroporto de Congonhas, na zona sul, fechou para pousos e decolagens das 15h19 até às 15h35, quando foi aberto e voltou a operar como auxílio de instrumentos.

O Corpo de Bombeiros recebeu ligações após as 15 horas, de pessoas ilhadas em diversos pontos da capital paulista. A corporação, porém, não soube precisar o número de chamadas atendidas. Nenhum caso grave foi registrado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG