Cerca de 60% do município de Cáceres (a 215 quilômetros de Cuiabá) está alagado. Depois de mais de 15 horas de chuvas ininterruptas, mais de 20 mil famílias foram atingidas.

Segundo a assessoria da prefeitura, em cerca de 15 horas choveu em torno de 60 milímetros, o dobro do previsto para o mês inteiro.

A prefeitura disponibilizou duas escolas municipais para abrigar as centenas de famílias desabrigadas. A Comissão Municipal de Defesa Civil ainda espera dados concretos para definir se terá que decretar "estado de emergência". Além da intensidade da chuva, o prefeito Túlio Fontes (DEM) acredita que a situação foi agravada devido a falhas no sistema de drenagem da cidade.

O principal mecanismo de escoamento das águas, o Córrego Sangradouro, que corta o centro da cidade e deságua na Bahia de Cáceres, transbordou porque não teria suportado o volume das águas.

Há previsão de chuvas naquela região pelos próximos quatro dias. Não houve vítimas fatais, mas as famílias contabilizam prejuízos materiais. Algumas perderam tudo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.