Chinaglia: reforma não deve ser votada antes da eleição

O presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), afastou a possibilidade de ser votado antes das eleições deste ano o projeto de reforma tributária, que está em discussão em comissão especial da Casa. O projeto foi enviado pelo governo.

Agência Estado |

"No período eleitoral, não é adequado (fazer essa votação)", afirmou o deputado.

Ele disse considerar que será melhor começar a votar o projeto na comissão especial quando houver condições dele seguir imediatamente para o plenário. Essas condições são mais difíceis de ser alcançadas em período eleitoral, quando o quórum no Legislativo é mais baixo em razão da participação dos parlamentares nas campanhas em seus Estados.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG