BRASÍLIA - O presidente da Câmara dos Deputados, deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), afirmou que nas próximas semanas não deverá se repetir o esforço concentrado ocorrido nesta quarta-feira, quando foram votadas e aprovadas sete proposições. Segundo Chinaglia, fica mantido o compromisso entre líderes partidários de completar, até as eleições, uma lista de votações com mais 13 matérias.

As votações realizadas nesta quarta-feira foram uma iniciativa dos líderes para ganhar créditos junto à sociedade para compensar as semanas de recesso branco que acontecerão em agosto e setembro, ou seja, a liberação dos deputados para participarem das campanhas eleitorais municipais.

Arlindo Chinaglia disse que a sociedade não deve esperar a repetição de trabalhos intensivos como o desta semana. Quando se ganha de goleada, cria-se expectativa, mas creio que vamos votar outros projetos na semana que vem, preveniu o presidente da Câmara.

Entre os 13 projetos pendentes de apreciação, está a Lei Geral do Turismo e propostas sobre adoção e punição a crimes de extermínio.

Leia também:

Leia mais sobre: Câmara dos deputados

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.