Chico Buarque participará de centenário de Salvador Allende

SANTIAGO DO CHILE ¿ O cantor e compositor Chico Buarque irá participar das comemorações de 100 anos do nascimento de Salvador Allende, ex-presidente do Chile entre 1970 e setembro de 1973, quando sofreu o golpe militar de Augusto Pinochet e acabou se suicidando, ainda dentro do palácio presidencial de La Moneda.

Agência Ansa |

Segundo a deputada Isabel Allende, filha do líder de esquerda chileno, Chico Buarque enviou uma nota dizendo que não costuma participar desse tipo de evento, mas que estaria a disposição de fazê-lo, já que se trata de Salvador Allende.

"Sua postura me pareceu muito louvável, é uma reação muito positiva. Estamos contentes com isso", comemorou a deputada chilena. Contudo, não há maiores detalhes sobre a participação de Chico na festa, que será composta por vários eventos no Chile e no exterior para marcar o dia 24 de junho, quando nascia Allende, em 1908.

Além do cantor brasileiro, outros artistas de renome internacional participarão das comemorações, como Joaquín Sabina, Pedro Aznar, Miguel Bosé, Víctor Manuel, Ana Belén, Juanes e Pablo Milanés. Um grande show está sendo preparado para os dias 7 e 8 de novembro, em pleno estádio Nacional de Santiago, palco das torturas e assassinatos que Pinochet comandou sob sua ditadura militar.

"A figura de Allende foi transcendendo as fronteiras do Chile porque, no mundo de hoje, mais do que nunca se valoriza a lealdade aos princípios, a coerência de toda uma vida, e acredito que tudo isso acompanhou Salvador Allende até a sua morte", disse Isabel.

China e Vietnã já homenagearam Allende recentemente, mas os grandes eventos vão partir de países como México, Colômbia e Argentina, além de Cuba, que prepara uma comemoração própria. A presidente chilena, Michelle Bachelet, também atuará ativamente na agenda festiva em nome de Salvador Allende.

Leia mais sobre: Chico Buarque

    Leia tudo sobre: chico buarque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG