CGE: pontos de inundação em SP seguem sem solução

Vinte e um dos 30 locais apontados pela Prefeitura de São Paulo como críticos por causa de alagamentos em dias de chuva ainda não receberam nenhuma intervenção, como limpeza de bueiros e canalização e obras em córregos, por parte do governo municipal. Nove já foram corrigidos ou estão em obras.

Agência Estado |

O levantamento é do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) de 2007.

Segundo a Secretaria de Infra-Estrutura Urbana e Obras (Siurb), projetos para os endereços que ainda não receberam intervenções estão em fase de elaboração. Enquanto os planos municipais não são concluídos, os vilões dos congestionamentos em dia de chuva estão espalhados em todas as regiões da cidade.

Alguns são velhos conhecidos do motorista paulistano, como o localizado na Radial Leste, nas proximidades do Viaduto Guadalajara, que sempre alaga e aumenta o já complicado trânsito da via. “Nós gerenciamos todos os pontos da capital e o foco é mapear locais que sempre alagam e comprometem a fluidez”, afirma Hassan Barakat, engenheiro do CGE. “São áreas que não inundam totalmente, mas onde o nível da água ultrapassa o dos pneus dos veículos, o que já compromete toda a via”, diz. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG