Quem viu Cesária Évora cantando sábado, no principal palco da Virada Cultural, em plena Rua São João, não imaginava o sufoco pelo qual ela passou no início deste ano. Diagnosticada com um leve AVC (Acidente Vascular Cerebral), foi obrigada a cancelar alguns shows internacionais.

Mas, a voz que colocou Cabo Verde no mapa se recuperou a tempo para emocionar o público na Virada e prorrogar sua estada no Brasil. Ela se apresenta hoje, às 21h, no Memorial da América Latina.

Na segunda-feira, após a Virada Cultural, Cesária submeteu-se a alguns exames de rotina para certificar-se de que tudo estava bem. "Se eu não pudesse cantar, o médico me diria. Estou forte e saudável", afirma.

Feliz com a receptividade do público, Cesária mostrou-se otimista com relação a sua apresentação no Memorial. "Já fiz muitos shows ao ar livre, em São Paulo fiquei muito motivada e contente de ter visto tanta gente. Espero que muitas pessoas venham hoje e que se divirtam", declarou.

Cesária sempre sobe ao palco descalça, motivo pelo qual ganhou o apelido de 'Diva dos Pés Descalços'. E para o show de hoje não será diferente. Ela justifica dizendo que apresenta-se assim "em solidariedade às mulheres e crianças pobres do Cabo Verde".

Serviço

Cesária Évora
30 de abril, quarta-feira, às 21h
Memorial da América Latina/ Auditório Simón Bolívar
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda
Ingressos: R$ 30 (meia-entrada R$ 15)
Bilheteria aberta a partir das 14h

Leia mais sobre: Cesária Évora

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.