Um grupo de cerca de mil operários da construção civil em campanha salarial interditou um trecho da Rodovia Augusto Montenegro no começo da manhã de hoje em Belém, no Pará. Segundo a Polícia Militar (PM), depois de bloquear a estrada, os manifestantes seguiram a pé para as ruas do centro da cidade, ameaçando invadir os canteiros de obras e impedindo os funcionários de trabalharem.

A corporação foi acionada e, para dispersar a multidão, foram usados balas de borracha e gás lacrimogêneo. O tumulto durou até o fim da manhã. Ninguém ficou ferido ou foi detido.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.