Centro-sul do Brasil produzirá menos etanol em 09/10

Por Inaê Riveiras SÃO PAULO (Reuters) - A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) reduziu nesta quinta-feira a sua previsão de moagem de cana na temporada 2009/10, devido ao tempo chuvoso, e foi levada a diminuir também a estimativa de produção de etanol, que deverá ficar inferior à do ano passado.

Reuters |

A entidade estimou a moagem de cana do centro-sul do Brasil em 09/10 em 529,5 milhões de toneladas, queda de 3,7 por cento ante previsão de 550 milhões de toneladas feita em abril.

Apesar da redução, a moagem no ano safra 2009/10 ainda será 4,9 por cento superior à verificada na temporada anterior, quando a principal região produtora do Brasil processou 504,9 milhões de toneladas.

"A nova projeção de moagem indica uma disponibilidade de cana não-esmagada superior a 50 milhões de toneladas no final da safra", afirmou a Unica nesta quinta-feira, citando o excesso de chuvas nos últimos meses como fator da diminuição da produção.

De acordo com a Unica, com a nova projeção, a expectativa é de uma produção de etanol de 23,8 bilhões de litros, 5,4 por cento inferior ao produzido na safra anterior, quando o centro-sul produziu 25,1 bilhões de litros.

No início da temporada, a Unica havia previsto uma produção de álcool de 26,28 bilhões de litros.

"A redução nas exportações de etanol nesta safra, projetada para ficar 1,45 bilhão de litros aquém das exportações na safra anterior, contribuirão para que a oferta de etanol para o mercado interno permaneça a mesma da safra anterior, neutralizando portanto a queda na produção", afirmou a entidade em comunicado.

A entidade projeta exportações do país em 09/10 de 2,8 bilhões de litros.

AÇÚCAR

A produção de etanol não deverá cair apenas por conta das chuvas. As usinas também têm destinado mais cana para a produção de açúcar, cujos preços estão mais remuneradores.

Nesta temporada, 43,1 por cento da cana do centro-sul, que responde por mais de 90 por cento da produção nacional, deverá ser destinada para a produção de açúcar, contra 40 por cento na temporada passada.

Por outro lado, a produção de açúcar esperada para a safra 2009/10 é de 29,4 milhões de toneladas, quase 6 por cento inferior à expectativa inicial, mas 10 por cento superior à da safra anterior.

(Reportagem adicional de Roberto Samora)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG