Censo 2010: 80% da população já foi recenseada, diz IBGE

De acordo com instituto, número de pessoas por domicílios diminuiu

Anderson Dezan, iG Rio de Janeiro |

Mais de 80% da população brasileira já foi recenseada, segundo divulgou nesta segunda-feira (27) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com o órgão, a porcentagem corresponde a mais de 153 milhões de pessoas. O Censo 2010 tem como objetivo revelar o retrato do País através da coleta de informações demográficas, socioeconômicas, habitacionais. Cerca de 190 mil técnicos realizam as pesquisas até o dia 31 de outubro.

Agência Estado
Recenseadores do IBGE visitam moradora do Complexo da Maré, no Rio de Janeiro
Segundo o IBGE, os estados onde as coletas estão mais avançadas são Paraíba (92,1%), Tocantins (91,6%) e Rondônia (90,1%). Na ponta oposta estão Rio Grande do Sul (72,7%), Amazonas (73,7%) e Pernambuco (75%). Os dados são referentes à coleta realizada até às 14h da última sexta-feira (24).

Até o momento, de acordo com o IBGE, mais de 57 milhões de domicílios, dos 5.565 municípios brasileiros, já foram visitados. Segundo informações dos recenseadores, até o momento, foram registrados 4,79%, o equivalente a mais de 2 milhões, de domicílios fechados. Nesses casos, não havia nenhum morador para receber os recenseadores do IBGE.

"Todos os estados brasileiros estão em um ritmo de trabalho acelerado e homogêneo, garantindo a conclusão dos trabalhos no prazo", disse o presidente do IBGE, Eduardo Pereira Nunes.

Ele ressaltou que os maiores desafios dos recenseadores estão nos estados do Amazonas e do Acre. Nesses locais, os técnicos têm que visitar áreas indígenas e, para isso, necessitam do apoio da Funai. Além disso, a seca que afeta esses estados tem diminuído o volume dos rios, dificultando o acesso a alguns municípios.

Pessoas por domicílio

De acordo com o IBGE, os dados parciais do Censo 2010 já apontam uma redução do número de pessoas por domícílio. Atualmente, a média é de 3,3 moradores por habitação. Em 2000, o número era de 3,8. Na área urbana, a queda foi de 3,6 para 3,2 e, na rural, de 4,1 para 3,6.

Por estados, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul têm menos moradores por residência, com 3,06 e 2,99 respectivamente. Amazonas (4,43) e Amapá (4,32) têm mais moradores por habitação. Para o presidente do IBGE, aspectos como a queda da taxa de fecundidade (número de filhos por mulher) e o envelhecimento da população explicam a queda do número de pessoas por domicílio.

Idosos

Mais de 17 mil pessoas no Brasil têm mais de 100 anos, segundo os dados já coletados pelo Censo 2010. Bahia (2.473), São Paulo (2.248) e Minas Gerais (2.102) são os estados com mais pessoas nessa faixa etária. Roraima (21) Acre (60) e Rondônia (61) estão na ponta oposta, com menos habitantes acima de 100 anos.

    Leia tudo sobre: censo 2010ibge

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG