Celular vai continuar fora de área no metrô de SP

O celular do passageiro do Metrô de São Paulo continuará fora de área de cobertura até o ano que vem, ao menos em parte da malha da companhia. O atraso derruba o calendário oficial, que previa conclusão em todos os 61,3 km neste ano.

Agência Estado |

Hoje, o sinal só está disponível na Linha 2-Verde.

A demora maior será na Linha 1-Azul, segunda maior do sistema com 20,2 km, segundo apurou a reportagem. A Power Wave, empresa contratada pelas operadoras de telefonia móvel para instalar a infra-estrutura, está tendo dificuldades em razão das características do Metrô, diz um funcionário da companhia ouvido pela reportagem.

“Há dificuldade no lançamento do cabo pela via, para que os celulares tenham sinal nos túneis e estações subterrâneas”, afirma. O trabalho tem de ser executado durante a madrugada, já que os trens não podem estar circulando. Na Linha 1, a empresa têm “apenas duas horas” por noite para executar o serviço. As informações são do Jornal da Tarde .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG