Por pouco o fim de um casamento não termina em tragédia na cidade de Maracanaú, distante cerca de 20 km de Fortaleza, no Ceará. Sandra Maria Carneiro foi atingida por disparos feitos pelo ex-marido, na manhã de segunda-feira, mas o celular que guardava no bolso da camisa desviou a bala, que deveria ter atingido o coração dela.

Segundo informações da Delegacia da Mulher de Maracanaú, que investiga o caso, Sandra saia da casa em que mora no Conjunto Timbó, por volta das 7h, quando o ex-marido, o vendedor de carros Maurício Alves Carneiro, de 37 anos, disparou na direção dela.

Sandra foi atingida por dois tiros: um acertou o braço de raspão e o outro o peito. Para a polícia, Sandra não morreu porque o celular desviou a bala. Ela foi internada, mas não corre risco de morte.

Conforme a polícia, o irmão do suspeito prestou depoimento e disse que Carneiro o procurou afirmando que havia feito uma besteira e atirado na ex-mulher. Os dois estavam separados há cerca de 4 meses. Policiais procuram o vendedor, que ainda está foragido.

Leia mais sobre: crime passional

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.