Policiais do Ceará espancam e depois liberam suspeitos, mostra vídeo

Comandante da PM diz que imagens são suficientes para levar a uma punição por transgressão disciplinar e abrir uma ação criminal

Daniel Aderaldo, iG Ceará |

Cinco policiais militares do Ceará são vistos em um vídeo agredindo ladrões e, sem explicação, liberando os suspeito. O Comando-Geral da Polícia Militar do Ceará (PMCE) começou a investigar o caso após uma emissora de televisão local divulgar um vídeo amador feito por um morador do bairro Papicu, em Fortaleza, onde a ação aconteceu.

nullNas imagens, os cinco policiais do Batalhão de Policiamento Comunitário (BpCom), conhecido como Ronda do Quarteirão, revistam quatro homens suspeitos de cometer um furto. Um dos suspeitos é agredido pelos PMs com golpes de cassetete, empurrões, chutes e socos. Em seguida, todos são liberados. O vídeo não mostra, mas investigação prévia levantou a suspeita de que os militares tenham ficado com o produto do furto.A abordagem policial aconteceu no último domingo (22), mas a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) não tem nenhum registro de ocorrência do caso em questão.

O comandante-geral da PMCE, coronel Werisleik Matias, informou que o vídeo está sendo analisado para que os policiais envolvidos sejam identificados. De acordo com ele, só o espancamento observado no vídeo já é suficiente para uma punição por transgressão disciplinar e uma ação criminal.

Em abril, o iG publicou reportagem mostrando que policiais militares do Ceará foram expulsos e outros estão sendo investigados por utilizaram de forma inadequada as picapes de cabine dupla adotadas pela PMCE desde 2007.

    Leia tudo sobre: Polícia MilitarCearáFortaleza

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG