Passarei 2 anos falando do meu governo, diz prefeita de Fortaleza

Após onda de protesto, Luizianne Lins diz que vai investir em publicidade porque precisa prestar contas da sua gestão

Daniel Aderaldo, iG Ceará |

A prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), afirmou nesta quarta-feira (13), dia em que a cidade completa 285 anos , que deve investir mais em propaganda, sob o argumento de que deve prestar contar sobre a sua gestão. “Em 2011 e 2012 é só o que eu vou fazer: prestar contas”, disse. A declaração acontece após uma onda de protestos contra a sua gestão.

Agência Assembleia Legislativa
A prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins
Prefeita da capital cearense pelo segundo mandato consecutivo, a petista declarou que deve veicular em emissora de rádio e televisão um programa de prestação de contas da administração. Segundo ela, o “Fala Fortaleza” servirá para dar mais visibilidade aos feitos da gestão.

“O momento agora está propício, com a volta da publicidade institucional, eu tendo mais oportunidade de sair para conversar, ir para as rádios, para as tevês, escrever artigos e visitar obras. Eu vou passar dois anos fazendo isso. Agora, é só o que eu vou fazer. Porque agora eu me sinto fortalecida e tranquila para poder fazer isso”, acentuou.

Em 2010, a Prefeitura Municipal de Fortaleza ficou sem verba para publicidade devido a problemas no processo licitatório de contratação das agências. Para 2011, porém, a gestão conta com R$ 20 milhões para propaganda.

Luizianne afirmou ao iG que, até o final de 2010, estava empenhada em conseguir recursos para realizar os projetos com os quais tinha se comprometido. Para ela, se não houvesse esse empenho em buscar crédito, as obras não seriam viáveis. “Senão, não tinha gente falando nem de atraso, porque não havia dinheiro”. Luizianne se refere a dívida de R$ 342 milhões deixada pelo ex-prefeito Juraci Magalhães.

A petista disse que escolheu trabalhar em silêncio até agora, ignorando as críticas que recaem sobre sua administração devido aos buracos espalhados por toda a malha viária da cidade e ao atraso de obras importantes, inclusive o Hospital da Mulher, uma promessa da primeira campanha, em 2004.

“Se estão me cobrando pelo atraso das obras é porque elas existem. Elas existem porque garantimos o financiamento delas. Não adianta eu estar o tempo todo inaugurando cada meio metro de obra, divulgando, falando em busca de holofote na imprensa, no momento em que eu tinha outra tarefa muito séria, que era arrumar dinheiro”, ponderou.

Na semana passada, Luizianne Lins iniciou uma maratona de visitas aos canteiros de obras da cidade. Hoje, ela aproveitou o aniversário de Fortaleza para conceder uma série de entrevistas para veículos de comunicação da capital do Ceará.

Sucessão
Luizianne Lins está em seu segundo mandato e pretende eleger um sucessor do PT nas próximas eleições, em 2012. O nome do candidato, a prefeita – presidente estadual da sigla - disse que ainda não sabe. Porém, o processo de escolha desse nome deve ser acelerado agora, já que, segundo ela “a oposição está antecipando as eleições”.

De acordo com Luizianne, o PT vai começar a debater eleições municipais no próximo sábado (16). “Nós vamos ter um planejamento. Vamos fazer um apanhado das 13 administrações que o PT tem hoje no estado do Ceará e vamos começar o debate sobre as eleições de 2012, até porque o nosso partido tem grandes nomes para apresentar e nós achamos que é a hora de começar a fazer essa discussão”.

    Leia tudo sobre: CearáFortalezaLuizianne Lins

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG