Ministério Público diz que governo do Ceará mente sobre criminalidade

Violência no Estado seria maior do indicam os números divulgados pela Secretaria de Segurança Pública

Daniel Aderaldo, iG Ceará |

O Ministério Público do Ceará acredita que o governo do Estado esteja mentindo sobre os índices de violência nos municípios cearenses. Promotores expediram uma recomendação para que a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) divulgasse os dados estáticos “reais” sobre a criminalidade no Estado.

Segundo balanço da Central de Estatística da SSPDS divulgado no início de 2012, o número de homicídios dolosos em Fortaleza teve uma queda de 4,14% no ano passado. Em 2010, foram 1667 assassinatos e em 2011, 1598. As estatísticas também apontam a diminuição de outros crimes, como assaltos e furtos. Por outro lado, a apreensão de armas e de drogas cresceu, conforme os dados oficiais do governo cearense.

Crimes:

Dentro do carro homens matam morador de rua em Fortaleza

Filha de polcial de elite é executada em Fortaleza

Estudante é assassinado dentro de escola em Fortaleza

Contudo, para o Centro de Apoio Operacional Criminal, da Execução Criminal e Controle Externo da Atividade Policial (Caocrim), essas informações não condizem com a realidade. Os promotores de Justiça Antonio Iran Coelho Sírio e José Francisco de Oliveira Filho estimam que os números anunciados sejam menores do que a realidade e pedem transparência na divulgação das estatísticas.

A reportagem do iG entrou em contato com a assessoria de imprensa da SSPDS, mas até o momento da publicação desta matéria não obteve resposta sobre o teor da recomendação do Ministério Público.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG