Caso Isabella: polícia prevê 19 depoimentos esta semana

A delegada-assistente do 9º Distrito Policial (DP) de São Paulo, Renata Fontes, disse hoje que 19 pessoas serão ouvidas ainda essa semana para tentar esclarecer a morte da menina Isabella Nardoni, de 5 anos. Os depoimentos incluem familiares e moradores do prédio da zona norte da cidade, onde o crime ocorreu, no dia 29.

Agência Estado |

Hoje, a polícia ouviu o depoimento da médica do resgate que prestou os primeiros socorros à menina, que caiu do sexto andar.

Renata afirmou também que todos os dias aparecem novas provas. "É uma somatória de provas em que uma vai dando credibilidade à outra", disse. Por isso, ela afirmou acreditar que 70% do caso estejam resolvidos. "A gente já tem 70% referente à dinâmica, a ferimentos, onde aconteceu, enfim, tudo o que foi feito lá (no apartamento) até o óbito dela", disse.

Sobre o vídeo do circuito interno de segurança de um supermercado em Guarulhos, na Grande São Paulo, que mostra Alexandre Nardoni, a mulher dele, Anna Carolina Jatobá, os dois filhos do casal e Isabella horas antes do crime, a delegada afirmou que as imagens ajudaram no inquérito e que "eram exatamente o que se esperava" para comprovar uma tese da polícia. Agora, disse, o vídeo será analisado por peritos.

Depoimento

O depoimento de hoje da médica que atendeu Isabella foi confirmado pelo promotor Francisco Cembranelli, responsável no Ministério Público Estadual (MPE) pela investigação. Ele disse que a médica contou à polícia o que se passou a partir do momento que teve contato com Isabella. "Ela contou a seqüência, a tentativa que ela fez para reanimar a garota, infelizmente, sem sucesso", afirmou.

Cembranelli disse que, quando a médica chegou ao prédio, Isabella apresentava sinais de que havia sofrido uma parada cardíaca. A médica, então, disse o promotor, tentou reanimá-la. "Agora, o estabelecimento da causa mortis cabe ao IML (Instituto Médico Legal)." A médica não teve o nome revelado.

    Leia tudo sobre: isabella

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG