Casamento gay divide religiosos de esquerda

Se contra o aborto praticamente há uma unanimidade entre os religiosos de esquerda, as temáticas sobre os homossexuais dividem essa bancada. Há os que defendem todos os pleitos de gays, lésbicas e travestis e há os que têm restrições em diversos pontos.

Congresso em Foco |

Favorável à união civil dos homossexuais e até à adoção de crianças por eles, caso isso seja comprovado por psicólogos, o senador paranaense Flávio Arns é contra o projeto de lei com o objetivo de criminalizar a homofobia. Ele diz que, na verdade, a proposta acaba com o direito à crítica e considera discriminação qualquer restrição a atos amorosos em público.

O senador católico acredita que os parceiros gays e lésbicas devem ter todos os direitos fundamentais, como pensão e herança. Concordam com ele o senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) e o deputado Mauro Nazif (PSB-RO), filho de palestino, mas também católico. 

Leia reportagem completa no Congresso em Foco

+ O que pensam parlamentares religiosos de esquerda sobre temas polêmicos

    Leia tudo sobre: congresso em focogayspolítica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG